segunda-feira, 10 de julho de 2017

Apenas uma Aventura

Resultado de imagem para jantar a dois


Ele falava empolgado com a boca ainda cheia de comida, o restaurante estava cheio e o barulho era alto, mas não era incômodo.
Já estavam saindo há algum tempo e ela já estava começando a gostar dele. Era simpático, engraçado, os amigos o adoravam e tinha uma maturidade infantil que ela sempre gostou de ver nas pessoas. Ele falava algo sobre o trabalho, ela não estava dando atenção, apenas acenava com a cabeça fingindo que o ouvia e vez ou outra um sorriso esboçava pra participar do devaneio. Na sua mente um único pensamento a assolava; quando ele vai embora e me deixar aqui?
Seus relacionamentos anteriores haviam deixado algumas lembranças ruins em sua mente e ela sentia que este também seria igual. Não dava pra saber.
Enquanto ele cortava um pedaço de filé ela se lembrava de seu ultimo algoz. “Será que o problema sou eu?” pensava. O primeiro foi ainda quando ela era jovem, namorados e inocentes ate que ele chegou um dia dizendo que havia ficado com um ex e que gostava dele. Passou, eram novos. O outro foi um de longo tempo, até que o mundo caiu quando no celular dele estava escrito que ele estava com ela para esquecer o cara da faculdade. Um dos mais recentes talvez foram os mais cruéis. “Uma aventura”, foi como ela foi definida. “Porra, eu amava ele”. Ela simplesmente parou de procurar e de esperar depois desses desafetos. Aceitou que sua existência era apenas passageira para os que ela considerava eternos. Seus beijos e carinhos nunca prenderiam ninguém e não adiantava se acabar na dor, pois no final nada ia mudar e de nada adiantava. A solidão a perseguiu a vida toda e não era agora que a largaria. Aceitou seu carma e seguia em frente.
- Melhor pararmos por aqui – interrompeu seu parceiro.
- Mas eu não terminei a carne, ela esta magnf...
- Estou falando de nós dois – ele engasgou e olhou espantado – você é um cara legal, mas acredite, não sou boa companhia.
Levantou e saiu.

Nenhum comentário: